Buscar
  • HH

Produzir ou estudar seu instrumento ?


Todas as profissões têm seus desafios e dificuldades. Na música não é diferente. Devemos aprender tudo - o máximo de informações possíveis - que diz respeito ao nosso mercado de trabalho. Entender como são as relações. Por exemplo, se vai fazer uma apresentação em um teatro, você sabe de onde vêm os recursos que mantém esse espaço ? Como é o equipamento de iluminação ? Como é o equipamento de som ? Como são os horários ? Como funciona a bilheteria ? Quais os caminhos de divulgação para o evento ? O projeto tem patrocínio direto ? Ou é via lei de incentivo ? Como funciona a tributação do resultado financeiro ? E os direitos autorais ? Se o show é em outra cidade, como ficam hospedagem e alimentação ? E os contratos entre as partes ? E o transporte ? Catering ?

Essas e outras perguntas precisam de respostas. Não dá pra ser completamente alienado e só querer tocar. A velocidade do mundo e quantidade de informações são cada vez maiores, então, pra que a carreira seja sólida, é preciso mergulhar nessa parte não-musical que muitos consideram chata. Que pode ser chata, mas que se a gente entende que é necessária, acaba ficando legal, ou pelo menos, aprendemos a ter uma boa relação com essas atividades.

Ao mesmo tempo, a música está evoluindo de uma maneira incrível, seja pela tecnologia, ou mesmo pelos próprios músicos. Por exemplo, a juventude de hoje não toca apenas um instrumento : sabe tocar vários instrumentos e cantar - aliás, a galerinha já está nascendo multi-instrumentista -, sabe gravar e editar áudio e vídeo, toca vários estilos, faz letras, fala mais de uma língua e tem uma energia que parece infinita. Ou seja, não dá pra ficar de bobeira se não o trem vai embora. Hoje a gente pode tocar com músicos do mundo inteiro a qualquer momento. Todas as técnicas, repertório, equipamentos, tudo está à nossa disposição em apenas um clique.

Então fica a pergunta diante de tanta informação : estudar ou produzir ? Como músico, a primeira coisa do dia que faço é tocar, ouvir, compor algo que melhore minha música. O meu trabalho exige que eu esteja sempre de bem com a música. Se eu não conseguir expressar a minha arte, a coisa não anda. E a partir desse primeiro momento do dia, estou pronto para o que vier, seja uma atividade musical ou não. E digo mais, pra quem trabalha no mercado artístico, com a economia criativa e não é músico profissional, aprenda a tocar um instrumento ou a cantar. Faz a diferença na vida real.

Resumo da história : para quem é músico, é muito importante aprender sobre produção; e quem trabalha com produção pode ter uma vida mais leve e prazerosa se aprender a tocar um instrumento.

71 visualizações
  • Ícone do Spotify Cinza
  • Ícone da Apple Cinza
  • Ícone do Facebook Cinza
  • Ícone do Instagram Cinza
  • Ícone do Twitter Cinza
  • Ícone do Youtube Cinza